Dicas Mater Dei: volta às aulas - REDE MATER DEI DE SAÚDE

Dicas Mater Dei: volta às aulas

Na volta às aulas, além da preocupação com o ensino, horários, alimentação e transporte, os pais ou responsáveis precisam estar atentos também à postura corporal de crianças e adolescentes. Grandes problemas de coluna na idade adulta podem ser evitados se houver uma atenção especial ao desenvolvimento de seus filhos e às queixas de dores nas costas, por exemplo. Desde cedo, é fundamental a orientação sobre a boa postura. A mochila está sendo usada corretamente, na altura certa? Ou está pesada demais? E a postura ao se assentar na cadeira da sala de aula, ou em frente ao computador, ou até mesmo ao fazer o lanche, está correta. O sedentarismo entre as crianças e adolescentes também merece a atenção dos pais.

A realização de atividades físicas regulares contribui de forma muito positiva para o crescimento mais saudável e exercícios de alongamento, por exemplo, podem ser feitos nos intervalos das atividades.
 
O ortopedista e traumatologista da Rede Mater Dei de Saúde, Dr. Luiz Cláudio França, cita algumas dicas importantes para tornar a volta às aulas dos estudantes um pouco menos cansativa, ensinando a eles a postura correta. 
 

Peso 

  1. Fique atento ao peso que o estudante carrega. O peso do material que é levado na mochila deve ser compatível ao peso da criança ou adolescente.  A literatura internacional considera que o ideal é que a mochila tenha entre 10% e 20% do peso corporal do estudante. Outra recomendação é que a mochila seja leve. Quando estiver vazia, ela não deve pesar mais que meio quilo. 
  2. A mochila deve ter duas alças acolchoadas para que o peso seja melhor distribuído nos ombros.
  3. É recomendável que a largura mínima das alças seja de quatro centímetros na altura dos ombros, porque tiras estreitas podem causar compressão nos ombros e restringir a circulação.
  4. As alças também devem ser reguláveis para que o estudante possa colocar a mochila bem junto ao corpo, e cerca de cinco centímetros acima da linha da cintura. Na altura da barriga é recomendável, ainda, que tenha um cinto ajustável para evitar que a mochila balance.
  5. Caso o estudante prefira a mochila de um ombro só, opte por aquele modelo usado para caminhadas, com uma tira presa ao abdome. Afinal, é essencial não sobrecarregar só uma parte do corpo. 
  6. É importante concentrar os objetos mais pesados no centro da mochila e mais próximos das costas. 
  7. Para aqueles que precisam levar diversos materiais para a escola, a melhor opção é a mochila de rodinha.  Nesse caso, também é preciso estar atento à altura das alças.  A Sociedade Brasileira de Ortopedia Pediátrica alerta para o cuidado com a alça do carrinho. Ela deve estar a uma altura apropriada, para que o estudante mantenha a coluna reta e não se incline ao puxá-la.
  8. Faça o estudante adquirir o hábito de organizar todo o material necessário, um dia antes. Assim, evita o peso extra na mochila.
  9. Na era digital, talvez um bom diálogo com a escola sobre material virtual possa estar disponível, diminua o peso do material a ser carregado.
 

Postura - Forma correta e incorreta de sentar

A postura errada pode resultar em lesões sérias de coluna, por isso a educação postural deve ser aprendida e praticada desde a infância para diminuir o número de adultos com doenças causadas pela má postura. 
 
  1. O assento deve estar em uma altura onde a criança fique com os braços apoiados na mesa ou no apoio da cadeira. 
  2. Faz-se necessário também um apoio para os pés. O ideal é que os estudantes estejam sentados com as coxas paralelas ao solo e com os joelhos dobrados. 
  3. A coluna deve permanecer reta, formando um ângulo de 90º. Essa postura é muito importante para que a pessoa sente sobre os ísquios (ossos responsáveis pelo empilhamento da coluna vertebral).
  4. Uma das dificuldades para se ter uma boa postura dentro da sala de aula é pelo fato de as cadeiras serem padronizadas, independentemente da altura e peso dos alunos.
  5. Já na hora de estudar em casa, utilize uma cadeira confortável, com bordas arredondadas. Cadeiras nesse formato ajudam a não comprometer a circulação sanguínea dos membros inferiores. 
  6. É necessário que os pais estejam atentos às alterações de postura dos filhos e se eles estão reclamando de dores da coluna. Se isso acontece, é recomendável que procurem ajuda médica. Lembre-se que uma infância bem assistida pode levar a uma vida adulta mais saudável e produtiva.

RESPONSÁVEL:
Luiz Cláudio França
Ortopedista e traumatologista
CRM-MG: 28780


Publicado em: 02/02/2017

Este conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado pelo feedback. Sua opinião nos ajuda a criar um site melhor a cada dia.

Este post é sobre Dicas

Termos relacionados Dicas Aula Escola

Posts Relacionados

01 Fevereiro 2018

Mochilas escolares não podem...

Excesso de peso na infância e adolescência causam danos à coluna na vida adulta.
18 Fevereiro 2020

Aproveite o carnaval sem deixar de...

O carnaval é uma das épocas mais esperadas do ano, principalmente para aquelas pessoas que gostam de se fantasiar, ir para os bloquinhos e festas. No entanto, para aproveitar ao máximo esse momento, é preciso cuidar da saúde.
04 Fevereiro 2020

Dicas para volta às aulas

Atividades como acordar cedo, comer nos horários estabelecidos e dormir uma quantidade de horas adequadas podem se tornar tarefas difíceis de serem realizadas.