​A importância da atividade física regular para a saúde - REDE MATER DEI DE SAÚDE
Cuidados com a Saúde » Qualidade de Vida » ​A importância da atividade física regular para a saúde

​A importância da atividade física regular para a saúde

A prática de atividades físicas traz benefícios para o corpo e para a mente, ajudando na redução do estresse emocional e melhorando de forma global a qualidade de vida. Mas antes de iniciar uma atividade física é importante procurar um médico para passar por uma avaliação e verificar o estado de saúde e quais são os exercícios mais indicados. 

Quem pode fazer atividade física?


Segundo a médica do esporte e coordenadora da Medicina do Esporte Mater Dei, Carla Tavares, o exercício físico deve ser estimulado em qualquer população. “Ao contrário do que muitos pensam, em geral, aqueles que tem mais receio em praticar exercícios como portadores de doenças cardiorrespiratórias, reumatológicas, ortopédicas e gestantes, são os que mais se beneficiam da prática”, explica a médica.

No entanto, a atividade física nesses casos deve ser orientada pelo profissional da área do esporte, de forma individualizada, para que traga apenas benefícios e não gere riscos ou sintomas devido a doença de base. 

A recomendação do American College of Sports Medicine e a American Heart Association é que todos os adultos saudáveis entre 18 e 65 anos de idade pratiquem atividade física aeróbica de intensidade moderada por, no mínimo, 30 minutos por dia em cinco dias, totalizando 150 minutos por semana; ou de intensidade vigorosa por, no mínimo, 20 minutos em três dias da semana, totalizando 75 minutos por semana. 

“O ideal é que todo adulto realize atividades físicas que mantenham ou aumentem a força muscular por, no mínimo, dois dias por semana. Recomenda-se ainda que sejam feitos exercícios de flexibilidade durante dois ou três dias por semana. A prática de exercício deve ser realizada de forma gradativa, e preferencialmente, orientada por profissional experiente”, ressalta a especialista.


Doenças que podem ser prevenidas


A atividade física é extremamente eficaz na prevenção e no tratamento de doenças cardiovasculares, metabólicas, psicossomáticas e até mesmo de alguns tipos de câncer. Além da comprovação de redução da mortalidade e melhoria da aptidão cardiorrespiratória, o exercício previne doenças como hipertensão, diabetes, alterações do colesterol e triglicérides, trombose, angina, infarto, AVC (derrame cerebral), osteoporose, entre outras doenças.


RESPONSÁVEL:
Carla Tavares
Coordenadora da Medicina do Esporte Mater Dei
CRM-MG: 
41115
 

Publicado em: 26/09/2017

Este conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado pelo feedback. Sua opinião nos ajuda a criar um site melhor a cada dia.

Este post é sobre Atividade física

Posts Relacionados

27 Março 2018

Morte súbita em atletas jovens

No Brasil, as principais causas documentadas de morte súbita em atletas jovens são as doenças congênitas do coração. Dentre elas, a mais frequente é a cardiomiopatia hipertrófica, representando cerca de 36% dos casos.
09 Agosto 2021

Parceria com a Inspirali, oferece...

A Rede Mater Dei de Saúde, em parceria com a Inspirali, agora conta com a Pós-graduação em Medicina do Esporte e Exercício, uma especialização focada nos desafios da área, desde a prevenção de lesões em atletas até o tratamento de patologias por meio do...
26 Novembro 2021

Benefícios da prática de atividades...

A prática regular de atividades físicas proporciona inúmeros benefícios para a saúde da população em geral. Não é novidade que o sedentarismo é considerado um dos principais fatores de risco para doenças cardiovasculares, metabólicas e neoplásicas....