Tratamento para a doença hemorroidária - REDE MATER DEI DE SAÚDE

Como tratar a doença hemorroidária?

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), metade da população mundial apresenta ou apresentará, em alguma época da vida, sintomas relacionados à doença hemorroidária, popularmente conhecida como hemorroidas.
 
Hemorroidas são estruturas anatômicas normais formadas por vasos sanguíneos comunicantes situados na parte interna do canal anal. Quando esses vasos aumentam de tamanho e inflamam surge a doença hemorroidária, que pode ser interna, situada dentro do canal anal, ou externa, situada na borda do ânus.

O tratamento da doença hemorroidária inclui medidas simples, desde alterações comportamentais e dietéticas até uso de medicamentos e tratamentos cirúrgicos. Atualmente existem diferentes abordagens para ajudar no tratamento da doença. Entenda cada uma delas:
 

  1. Dieta
O uso de dieta rica em fibras, com aumento da ingestão de frutas e verduras, associado à ingestão de pelo menos dois litros de água por dia pode regular o hábito intestinal e provocar eliminação de fezes mais macias que diminuem o esforço evacuatório e o trauma provocado pelas fezes ressecadas.
 
  1. Higienização
A melhor forma de higienização do ânus após as evacuações é o uso de ducha higiênica com jato de água, sem necessidade do uso de sabonetes. O papel higiênico é indicado apenas para secar a região, com o menor atrito possível. Tanto o atrito do papel higiênico quando uso excessivo de sabonetes pioram os sintomas hemorroidários.
 
  1. Medicamentos
Em alguns casos, o médico pode indicar uso de medicamentos específicos para as veias hemorroidárias (chamados flebotônicos), anti-inflamatórios e pomadas de uso tópico.
 
  1. Cirurgia
Quando as medidas higieno-dietéticas e medicamentosas não surtem efeito, pode ser indicado tratamento cirúrgico. Existem várias opções cirúrgicas, desde a cirurgia clássica até tratamentos alternativos como ligadura elástica e desarterialização e hemorroidopexia.

A hemorroidectomia clássica consiste no tratamento cirúrgico da doença hemorroidária é a retirada completa dos mamilos hemorroidários por cirurgia. O método tem eficiência amplamente comprovada pela literatura médica ao longo das últimas décadas, com baixo índice de recidiva da doença e de complicações. No entanto, é uma técnica com recuperação pós-operatória prolongada e que provoca dor durante as evacuações por um período de até duas semanas após a cirurgia.

A ligadura elástica é uma técnica que pode ser utilizada em consultório, sem necessidade de anestesia. Trata-se de uma opção muito eficaz para o tratamento de doença hemorroidária leve.

A desarterialização e hemorroidopexia emergiu nos últimos anos como opção cirúrgica “sem corte”. A técnica apresenta dores menos intensas no pós-operatório. Porém, o método ainda não acumulou evidências robustas na literatura médica que garantam seu sucesso a longo prazo.


A consulta com um especialista é essencial para obter o diagnóstico adequado e, juntos, traçarem a melhor estratégica para o tratamento. Converse com o seu médico.
 

Plantão de Coloproctologia na Rede Mater Dei de Saúde:

Mater Dei Santo Agostinho
Segunda e quarta-feira, das 14h às 16h
Terça-feira, das 16h às 18h
Quinta e sexta-feira, das 15h às 17h

Mater Dei Contorno
Segunda a quinta feiras, das 19h às 20h50
Sexta-feira, das 17h às 19h


RESPONSÁVEL:
Hélio Antônio Silva
Coloproctologista
CRM: 31915


Publicado em: 17/08/2017

Este conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado pelo feedback. Sua opinião nos ajuda a criar um site melhor a cada dia.

Este post é sobre Saúde e Bem estar

Termos relacionados Coloproctologia Hemorroidas Doença

Posts Relacionados

14 Outubro 2016

Exame de Espirometria avalia problemas...

Rede Mater Dei de Saúde oferece exame de Espirometria para avaliação de problemas respiratórios.
16 Agosto 2018

​Coloproctologia ganha benefícios...

Importantes procedimentos podem ser realizados roboticamente pela coloproctologia, como a cirurgia de câncer de reto, linfadenectomia retroperitoneal (retirada de linfonodos), colectomia direita ou esquerda e anastomose (procedimento para emenda do intestino).
17 Agosto 2017

Como tratar a doença hemorroidária?

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), metade da população mundial apresenta ou apresentará, em alguma época da vida, sintomas relacionados à doença hemorroidária, popularmente conhecida como hemorroidas.